Artigo oferecido por:

Churrasqueiro Em Domicilio

Publicado em 10/09/2009

Avalie este Artigo
4.2


Churrasco em domicílio, um conforto que exige cuidados.

O mercado tem assimilado com certo vigor os serviços de churrascos e churrasqueiros a domicílio, o que é muito bom. No entanto, como em toda expansão mercadológica, esta apresenta uma distorção que merece ser refletida: a falta de bons profissionais. Churrasqueiros hábeis, que conheçam e dominem carnes e cortes, e sejam capazes de se adaptar a qualquer situação para produzir um churrasco perfeito.


Tal como um bom chef, o churrasqueiro deve possuir conhecimentos multidisciplinares. Sem conhecer aspectos anatômicos dos animais, as carnes e suas virtudes, os cortes, as técnicas básicas e perfeito manejo no uso de churrasqueiras, a matemática dos custos, imperioso senso de higiene, etc., jamais será um bom churrasqueiro. É bem verdade que existem pessoas que possuem a chamada “mão”, o jeito, e se saem relativamente bem. Mas estes são raríssimos e poucos atuam profissionalmente.


A maioria das empresas, porém, ao invés de investirem em bons profissionais, que são mais caros – mas verdadeiros cartões de visita vivos – contratam pessoas a preços irrisórios, equivalentes ao pessoal de apoio, para atuarem como “churrasqueiros”. Um caminho sem atalhos para desastres e perda de clientes.

Não é fácil reconhecer um bom churrasqueiro antes de vê-lo atuar em todas as etapas de um churrasco. Uma conversa prévia e bastante inquisitiva com o dono da empresa fornecedora da mão-de-obra e/ou bufê, e, principalmente, com o churrasqueiro, é um passo para evitar dissabores. Quem conhece um bom churrasqueiro jamais esquece, e indica.Outro, é o velho boca-a-boca....



Artigo criado por: Churrasqueiro Profissional rj

Avalie este Artigo

Deixe seu comentário

Avalie este Artigo

Comentários

  • disse em 29/09/2016 às 13:09

    boa tarde, estou em sao paulo mas vamos fazer um reencontro em Mogi Guacu.. gostaria de saber valores com bebidas.. por favor enviar um retorno... acredito q nao tera mais q 30 pessoas.. obrigada

  • disse em 31/08/2016 às 10:08

    5 Se você acha que custa caro um profissional, é por que não faz ideia de quanto custa um incompetente.
    Boa apresentação, higiene e simpatia, também fazem parte do atendimento profissional.

  • disse em 16/07/2016 às 09:07

    5 Por isso a importância do cliente conversar bastante com o profissional antes de contratá-lo. Pesquisar bastante, buscar referências, comparar preços, pois nem sempre o menor preço é a proposta mais vantajosa, como também o mais caro não oferece segurança de um bom serviço. Mas a Empresa cujo proprietário é conhecedor do ramo, um profissional que se preocupa com a satisfação do cliente e garante a qualidade com total transparência, além de disponibilizar contatos como referência, tem a probabilidade de proporcionar ao seu evento o sucesso.


Orçamento Expresso

Solicite Orçamento para 38488 anunciantes com um só pedido

Clique aqui para solicitar
CasamentosFestas InfantisFormaturasEventos Empresariais

 

© 2007 - 2017 Organizando Eventos Todos os direitos reservados

Desenvolvido por anverso.net.br

Aguarde...