Artigo oferecido por:

5 dicas para contratar um Mestre de Cerimônias

Publicado em 18/08/2014

Avalie este Artigo

 

Contratar um MC para um evento corporativo pode ser uma boa forma de valorizar o encontro. Mas pode trazer inúmeras dores de cabeça aos organizadores. Eis aqui algumas dicas para quem precisa organizar um evento corporativo e quer contratar um MC.
1. Tenha certeza do objetivo do seu evento. Chamar um mestre de cerimônias com perfil “celebridade” ou “show man” para conduzir um evento corporativo que tenha uma grande carga técnica ou especializada não é o mais indicado. Aliás, isso pode até tirar o foco da plateia e reduzir o aproveitamento do encontro. Tenha em mente o que você espera do seu evento e procure um MC que não “brigue” com o evento, mas colabore com ele.
2. Valorize a verba para contratação de MC. Ainda são poucos os profissionais que oferecem aos seus contratantes a disponibilidade para colaborar na preparação do roteiro, mas esta é uma tendência que ganhará espaço no mercado. Se o MC puder se envolver na organização da apresentação ou do debate que conduzirá, se ele puder conversar com os envolvidos e validar o resultado com os organizadores, a verba será otimizada e os resultados certamente serão melhores.
3. Tenha estrutura para contratar estrelas. Contratar um apresentador famoso para ser o MC do evento é uma tentação para muitos organizadores, que ficam imaginando o impacto da divulgação daquele nome no convite, etc. Contudo, há um preço a pagar: celebridades cobram cachês mais elevados e dificilmente terão reuniões prévias com os organizadores para conhecer o projeto e se familiarizar com os detalhes. O organizador terá que fazer todo o trabalho de alinhar falas e sequencia das apresentações e escrever o roteiro. O famoso apenas transmitirá, com glamour, o que foi preparado pela equipe do evento. Portanto, tenha verba, equipe e tempo para contar com um MC famoso.
4. Antecedência é a palavra-chave na organização de um evento. Bons profissionais costumam ser disputados, e encontrar agenda para incluí-los em seu evento requer planejamento e antecedência. Não deixe para a última hora a contratação do MC.
5. Pense fora da caixa. Alguns estereótipos relacionados à figura do MC podem ser reavaliados. A pompa e circunstância ainda têm o seu espaço, mas em ocasiões específicas. De maneira geral, eventos corporativos permitem certa informalidade. O MC que conseguir aproximar o discurso do cotidiano da plateia certamente facilitará a interação do público e obterá melhores resultados para o encontro.
Se você gostou destas dicas, entre em contato conosco para falar sobre o seu próximo evento corporativo. Estas dicas refletem a nossa opinião sobre o trabalho que um MC deve desempenhar em um encontro empresarial. Clique aqui para falar conosco.

Contratar um MC para um evento corporativo pode ser uma boa forma de valorizar o encontro. Mas pode trazer inúmeras dores de cabeça aos organizadores. Eis aqui algumas dicas para quem precisa organizar um evento corporativo e quer contratar um MC.

 

1. Tenha certeza do objetivo do seu evento. Chamar um mestre de cerimônias com perfil “celebridade” ou “show man” para conduzir um evento corporativo que tenha uma grande carga técnica ou especializada não é o mais indicado. Aliás, isso pode até tirar o foco da plateia e reduzir o aproveitamento do encontro. Tenha em mente o que você espera do seu evento e procure um MC que não “brigue” com o evento, mas colabore com ele.

2. Valorize a verba para contratação de MC. Ainda são poucos os profissionais que oferecem aos seus contratantes a disponibilidade para colaborar na preparação do roteiro, mas esta é uma tendência que ganhará espaço no mercado. Se o MC puder se envolver na organização da apresentação ou do debate que conduzirá, se ele puder conversar com os envolvidos e validar o resultado com os organizadores, a verba será otimizada e os resultados certamente serão melhores.

3. Tenha estrutura para contratar estrelas. Contratar um apresentador famoso para ser o MC do evento é uma tentação para muitos organizadores, que ficam imaginando o impacto da divulgação daquele nome no convite, etc. Contudo, há um preço a pagar: celebridades cobram cachês mais elevados e dificilmente terão reuniões prévias com os organizadores para conhecer o projeto e se familiarizar com os detalhes. O organizador terá que fazer todo o trabalho de alinhar falas e sequencia das apresentações e escrever o roteiro. O famoso apenas transmitirá, com glamour, o que foi preparado pela equipe do evento. Portanto, tenha verba, equipe e tempo para contar com um MC famoso.

4. Antecedência é a palavra-chave na organização de um evento. Bons profissionais costumam ser disputados, e encontrar agenda para incluí-los em seu evento requer planejamento e antecedência. Não deixe para a última hora a contratação do MC.

5. Pense fora da caixa. Alguns estereótipos relacionados à figura do MC podem ser reavaliados. A pompa e circunstância ainda têm o seu espaço, mas em ocasiões específicas. De maneira geral, eventos corporativos permitem certa informalidade. O MC que conseguir aproximar o discurso do cotidiano da plateia certamente facilitará a interação do público e obterá melhores resultados para o encontro.

 

Se você gostou destas dicas, entre em contato conosco para falar sobre o seu próximo evento corporativo. Estas dicas refletem a nossa opinião sobre o trabalho que um MC deve desempenhar em um encontro empresarial: www.marcelotoledo.inf.br.

 


Artigo criado por: Mestre de Cerimônias em SP

Avalie este Artigo

Deixe seu comentário

Avalie este Artigo

Comentários

  • Seja o primeiro a comentar

Orçamento Expresso

Solicite Orçamento para 38998 anunciantes com um só pedido

Clique aqui para solicitar
CasamentosFestas InfantisFormaturasEventos Empresariais

 

© 2007 - 2017 Organizando Eventos Todos os direitos reservados

Desenvolvido por anverso.net.br

Aguarde...