7 dicas para equilibrar contas em empresas de eventos na crise

Se você tem interesse em conhecer mais assuntos relacionados à organização e realização de eventos, certamente apreciará dicas sobre como equilibrar contas de empresas de eventos durante uma crise como a do coronavírus em 2020.

Publicado em 26/10/2020

Avalie este Artigo

As empresas brasileiras vêm sentindo reflexos de crises nos últimos anos que exigem esforços consideráveis para suas superações.

Entretanto, em 2020, a crise provocada pelo surgimento da COVID-19 e a necessidade de adotar isolamento social para conter a maior propagação da doença foi muito severa com as empresas do segmento de eventos, havendo necessidade de se reinventarem para permanecerem ativas.

Assim, se fez necessário fortalecer ações internas para permitir a continuidade de negócios com maior segurança financeira.

Neste artigo, vamos apresentar 7 dicas para equilibrar contas em empresas de eventos na crise.

Um aprendizado com a pandemia

A pandemia trouxe diversos aprendizados para a maior parte das pessoas, e no mundo corporativo a necessidade de rever atuações e estruturas de controles e gestão foi fundamental para manter as empresas em atividade mínima para superar esse período e poder retomar às atividades com maior força e certamente de forma muito mais organizada e eficiente.

Entre as necessidades de adaptação foram fundamentais ações relacionadas à condução financeira do negócio, em um momento de escassez de eventos e tendo que assumir as despesas cotidianas que uma empresa exige.

As empresas tiveram que se ajustar às demandas internas e externas que exigiram diversas ações para manterem suas atividades – algumas ações externas tiveram auxílio de instituições e governos, porém no caso daquelas internas, somente as empresas poderiam realizar.

Existem várias dicas para equilibrar contas em empresas de eventos na crise, e neste artigo iremos apresentar 7 delas.

Dicas para equilibrar contas em empresas de eventos na crise

A seguir, apresentaremos 7 dicas para equilibrar contas em empresas de eventos na crise atual e que servirão como base para um fortalecimento geral do negócio e poder superar eventuais crises.

1.      Fortaleça sua gestão

7 dicas para equilibrar contas em empresas de eventos na crise

Entre as dicas para equilibrar contas em empresas de eventos na crise, atuar sobre o fortalecimento da gestão do negócio é o principal fator que contribui para que a empresa possa superar suas dificuldades.

Manter uma gestão do negócio de maneira a se ajustar a uma crise é essencial, porém uma atenção especial deve ser dada aos controles financeiros e à busca de soluções que possam contribuir para a sobrevivência do negócio.

Dessa maneira, a gestão deve ser profissional, focada em manter as operações e honrar os compromissos da empresa, até que a crise passe, ou pelo menos que se possa ajustar o modelo de negócios para superar os desafios que se apresentam.

2.      Cuide do planejamento financeiro

Uma das principais dicas para equilibrar contas em empresas de eventos na crise e que tem um destaque maior é a atenção com o planejamento financeiro.

A crise está apresentando um novo cenário de recuperação lenta e gradual e que deve ser avaliada com um padrão de controle sobre as obrigações e direitos da empresa para que possa equacionar seu caixa e poder superar a situação que se apresenta.

Importante definir cenários de fluxo de caixa e acompanhar as necessidades de recursos de maneira antecipada, para que não seja necessário recorrer a recursos externos ou, se assim for, poder negociar de forma justa esses recursos.

3.      Controle o fluxo financeiro

7 dicas para equilibrar contas em empresas de eventos na crise

Dentro do planejamento financeiro é importante que se estabeleçam os controles mais adequados para que sejam devidamente identificados riscos e necessidades de fontes de financiamento do negócio.

Dessa forma, adotar forte acompanhamento e controle, como o fluxo de caixa, controle de saldos bancários, estoques, contas a pagar e receber atualizados, financiamentos e necessidade de capital de giro, são alguns pontos fundamentais para garantir a continuidade do negócio.

Além disso, torna-se fundamental também adotar critérios de projeções de negócios, tanto de vendas quanto de despesas, e perspectivas de suas realizações a curto, médio e longo prazos, antevendo possíveis realizações ou necessidades futuras.

4.      Antecipe recebíveis

Caso tenha títulos a receber, efetue a avaliação de antecipar esses recebíveis, pois essa operação financeira auxilia a obter recursos com taxas menores, por estarem vinculados à garantia de faturamento realizado.

Muitas vezes os clientes mantiveram os contratos para realização futura dos serviços. Assim, empreendedores poderiam ter os faturamentos disponibilizados para a sua realização imediata.

5.      Recorra a programas de empréstimos incentivados

Nesse momento de crise da COVID-19 financiamentos foram concedidos pelo governo federal para ajudar empresas, o que possibilitou a redução de taxas e ampliação do prazo de início de pagamento.

Além disso, foi concedida a possibilidade de redução de salários com o custo absorvido pelo governo, auxiliando empresas a terem um “alívio”.

Postergação de recolhimento de impostos também é uma boa forma de aliviar os caixas.

Assim, é importante avaliar as alternativas e obter esses incentivos para manter sua empresa em atividade.

6.      Renegocie contratos

7 dicas para equilibrar contas em empresas de eventos na crise

Uma das importantes dicas para equilibrar contas em empresas de eventos na crise está relacionada à renegociação de contratos tanto de fornecedores como de clientes.

Ambos podem levar a empresa a condições de insolvência se não forem feitos com sucesso para todas as partes e podem ainda ajudar na recuperação de seus negócios.

Muitos fornecedores passam por dificuldades e assim os serviços mais comuns que suportam os eventos devem ter uma maior atenção, como é o caso dos buffets, aluguéis de espaços, equipamentos, brinquedos, artigos de festas, músicos, equipes de som e DJs.

7.      Controle e reduza custos

Controlar e reduzir os custos passa a ser fundamental até para possibilitar maior condição de competitividade quando a economia começar a dar sinais de recuperação.

Verifique todos os pontos que precisam ser ajustados e efetue uma readequação a essa nova realidade.

Avalie seus processos, melhore suas operações, elimine os desperdícios e efetue controles de custos mais rígidos e eficientes, para que seu negócio possa superar quaisquer dificuldades.

 

Conclusão: dicas para equilibrar contas em empresas de eventos na crise.

 

Neste artigo, verificamos 7 dicas para equilibrar contas em empresas de eventos na crise, porém a principal medida que se deve adotar é fortalecer os controles de gestão e acompanhar e adoção de medidas de redução de custos.

Manter a segurança do negócio requer uma postura o mais profissional e controlada possível para auxiliar a empresa a vencer todas as dificuldades.

E tenha certeza que essa experiência irá fortalecer os conceitos de negócios e a condução do futuro das empresas de eventos e demais segmentos.

Aproveite e deixe sua opinião sobre este artigo com dicas para equilibrar contas em empresas de eventos na crise.


Avalie este Artigo

Deixe seu comentário

Avalie este Artigo

Comentários

  • Seja o primeiro a comentar

Orçamento Expresso

Solicite Orçamento para 39734 anunciantes com um só pedido

Clique aqui para solicitar
CasamentosFestas InfantisFormaturasEventos Empresariais

Aguarde...