Dez etapas de um bom cerimonial de formaturas

Para você que gosta de acompanhar os cuidados a ser adotados em eventos que possam ter sucesso e agradar a seus participantes, preparamos um conteúdo que abordará um tema importante: as etapas a serem cumpridas para que seja oferecido um cerimonial de qualidade em formaturas.

Publicado em 14/07/2022

Avalie este Artigo

Comemorar uma formatura é bastante importante para os formandos e seus familiares e amigos, pois é uma ocasião de grande alegria e confraternização de todos e um momento de superação e de início de desafios a serem vencidos dali para frente.

Esse é um marco na vida acadêmica de alunos, professores e familiares, e o cerimonial envolve todos os detalhes que estão presentes tanto no evento de formalização da formatura quanto nas comemorações que se seguem a esse momento.

Ele contempla, então, duas etapas: os rituais de certificação do curso e a festividade posterior a esse momento, que inclui aspectos somente presentes em formaturas.

Pela complexidade de detalhes e de valores envolvidos, o ideal é contar com a assessoria de uma empresa especializada em cerimoniais que possua organização e ofereça o melhor resultado possível.

A seguir, vamos apresentar dez etapas a serem seguidas para se obter um adequado cerimonial de formaturas.

A principal característica de um cerimonial de formaturas

Um cerimonial de formaturas envolve organização de todos os estágios de um evento desse tipo, incluindo: a colação de grau, o culto ecumênico e a festa de formatura.

Esse evento marca a superação de uma etapa, que significa a preparação acadêmica para que iniciar a aplicação dos conhecimentos adquiridos com o exercício da profissão escolhida. Além disso, há algumas regras que devem ser seguidas para esse evento, principalmente nas etapas de colação e do culto religioso, sendo a festa um momento de coroação desse processo e de tantos anos de dedicação e de expectativas.

O evento inclui algumas formalidades que devem ser seguidas, como a disciplina, a atenção aos padrões desse tipo de cerimônia, a elegância e o respeito ao momento. E devido a essas características, toda a preparação do evento deve ser realizada com antecedência, normalmente usando os anos finais de estudos para gerar a possibilidade e as condições de realização de um evento inesquecível.

Para que possamos ajudar nesse processo, relacionamos, a seguir, as etapas que devem ser incluídas em um cerimonial de formaturas.

1.      Trabalhar com uma comissão de formatura

Dez etapas de um bom cerimonial de formaturas

A primeira providência para conseguir um cerimonial de formaturas de sucesso é escolher a comissão de formatura. E ela deve ser iniciativa dos alunos, que escolherão os seus integrantes por meio de votação para centralização de todos os controles e de ações a serem adotadas.

Importante que a comissão trabalhe com a maior transparência possível, pois, no decorrer do processo do cerimonial, existirá a arrecadação dos valores junto a todos os participantes do evento.

2.      Cuidar dos detalhes da colação de grau

Dez etapas de um bom cerimonial de formaturas

Importante definir todos os detalhes que serão necessários, incluindo: a escolha do local para a colação, o aluguel de becas, vestidos, brindes personalizados, quantidade de convidados, conhecimento das regras da colação, entre outros detalhes. Há toda uma exigência que deve ser cumprida, e conhecer essas regras é fundamental para que se possa planejar o ritual adequadamente.

3.      Definir o tipo de festa

É importante que o cerimonial de formaturas inclua a definição do tipo de festa que será realizada.

Esse é um planejamento que deve ser bastante avaliado e levado ao conhecimento dos demais formandos, para que se possa ter um consenso sobre a melhor alternativa.

Essa definição também será fundamental para outros aspectos que deverão ser considerados nas etapas do cerimonial.

4.      Definir o local das comemorações

É preciso definir o local com base no tipo de festa que será realizada. Normalmente, o local da colação e do culto ecumênico é realizado nas instalações da própria escola onde os alunos estudaram.

As instituições de ensino possuem auditórios para essas e outras finalidades, porém, é possível que seja escolhido um espaço maior, como teatros ou similares, que possa acolher maior quantidade de convidados. Por isso, é importante tratar desse assunto com antecedência.

5.      Escolher os homenageados

A escolha dos homenageados deve ser feita ao longo dos preparativos, pois o paraninfo e as demais autoridades e convidados, assim como a definição do nome da turma, são tarefas que a comissão deve coordenar. Todos esses são aspectos que devem ser claramente debatidos e escolhidos por todos que participarão do evento.

6.      Escolher o orador da turma

Dez etapas de um bom cerimonial de formaturas

O orador da turma é uma escolha necessária e faz parte de uma organização de sucesso. Normalmente, líderes das turmas podem ser indicados, porém, em muitos casos, os oradores possuem características específicas, de maneira que se expressam representando os objetivos e as expectativas de todos.

Um orador com um discurso de qualidade certamente será um diferencial importante nesse tipo de evento.

7.      Cuidar dos preparativos da cerimônia ecumênica

A cerimônia ecumênica deve ser bem estruturada para que atenda a total diversidade de crenças e de princípios, assim como o respeito àqueles que declaram não seguir uma religião específica.

Essa é uma opção que deve respeitar todas as crenças individuais, sendo um elemento de união, por isso é tão importante de ser definida.

8.      Recolher as contribuições para a realização da formatura

Esse tipo de evento possui a característica de ser rateado por todos os participantes. O ideal é que seja avaliado o total de participantes da cerimônia de colação e do culto religioso, assim como aqueles que frequentarão as comemorações festivas.

O rateio deve considerar essas opções, porém sempre tenha em mente que esse cálculo pode sofrer interferências, pois, à medida que o momento se aproxima, pode ocorrer novas adesões. Por isso a avaliação de rateio deve ser bem cuidadosa, para evitar riscos de trabalhar com uma estimativa que não seja concretizada.

9.      Definir os fornecedores

Trabalhar com uma empresa de organização de eventos é uma boa opção para definir os fornecedores de qualidade, identificando-os com facilidade. Tanto na ocasião da colação quanto na realização da festa, há necessidades de fornecedores específicos. Assim, a escolha do Buffet, da decoração e dos brindes para os formandos requer bastante cuidado. Nesse sentido, as empresas profissionalizam as escolhas e reduzem os riscos para os formandos.

10.   Estabelecer a quantidade de convidados

Definir a quantidade de convidados é um fator crítico de sucesso que deve ser incluído nas etapas de um cerimonial de formatura. Esse aspecto impacta diretamente os custos totais do evento e deve ser bem estudado com vistas a atender o interesse da maioria.

Considerações finais sobre cerimonial de formaturas

Um cerimonial de formaturas deve ser realizado com muito controle, atenção aos detalhes e cumprimento de padrões relacionados ao tipo escolhido de evento. Assim, ter organização e conhecimento do tipo de evento torna-se um fator crítico de sucesso para sua realização.

Neste artigo, apresentamos as etapas e os cuidados a serem tomados para que esse momento importante tenha muito sucesso. Não se esqueça de deixar seu comentário sobre cerimonial de formaturas.


Avalie este Artigo

Deixe seu comentário

Avalie este Artigo

Comentários

  • Seja o primeiro a comentar

Orçamento Expresso

Solicite Orçamento para 39811 anunciantes com um só pedido

Clique aqui para solicitar
CasamentosFestas InfantisFormaturasEventos Empresariais

Aguarde...