Diversão e segurança

Publicado em 31/01/2013

Avalie este Artigo
4

Depois de um final de semana lamentável por conta da tragédia na Boate Kiss, em Santa Maria (RS), o prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet, divulgou por meio do Twitter que estava convocando uma reunião com o Corpo de Bombeiros, Ministério Público Estadual, Vigilância Sanitária e entidades do ramo, para discutir a situação das casas de noturnas na Capital.

A intenção é começar um trabalho para diagnosticar a situação de Curitiba e identificar as casas que possam estar funcionando de forma irregular. Com a mesma intenção o vereador Mauro Ignácio também anunciou que vai pedir, em caráter de emergência, ao comando do Corpo de Bombeiros do Paraná “medidas administrativas urgentes para novas vistorias em todas as boates e casas de shows instaladas na cidade, para que tal fato não ocorra em Curitiba”, afirma texto da assessoria do vereador.

A Abrabar, entidade que representa bares, restaurantes e casas noturnas do Paraná, também emitiu nota lembrando material distribuído no ano passado aos associados, alertando exatamente sobre a preocupação com as condições de segurança nas casas, além de anunciar um estudo em que levantaria quantas casas noturnas da Capital possuem apólice de seguro.

Da mesma forma o presidente da Abrasel-PR (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes), Marcelo Woellner Pereira, participa de reunião realizada na Secretaria Municipal de Urbanismo. O secretário de Urbanismo, Reginaldo Cordeiro, comanda o encontro, envolvendo a participação de representantes do Corpo de Bombeiros, Abrasel-PR, Polícia Militar, Polícia Civil, Guarda Municipal, Procuradoria Geral do Município, Ministério Público, Câmara Municipal de Curitiba e Secretaria Municipal do Meio Ambiente.

A Abrasel trabalhará apoiando a Prefeitura na identificação das casas que estão irregulares quanto à questão de segurança, prevenção de incêndios e alvarás, para evitar tragédias como o incêndio em Santa Maria (RS).A entidade também pede apoio da população para denunciar as irregularidades diretamente para a Abrasel ou pelo 156 da Prefeitura. “É através de ações conjuntas envolvendo os órgãos públicos, empresários do setor e a população que podemos evitar tragédias como essa que infelizmente vitimaram tantos jovens”, afirma o presidente da Abrasel-PR.

Sensibilizados com a tragédia outros vereadores estão trabalhando em propostas para conseguirem reuniões com proprietários de bares, casas noturnas e com promotores de eventos de suas cidades, para discutir as medidas tomadas para a realização de eventos e os critérios para a emissão dos alvarás de funcionamento dos estabelecimentos noturnos.

A ideia dessa mobilização é evitar que tragédias semelhantes à ocorrida em Santa Maria nunca se repitam em cidade alguma. É preciso união de esforços e uma discussão em conjunto para que as normas sejam de fato cumpridas. Pontos importantes como saídas de emergência, equipamentos de incêndio, sistema elétrico, entre outros, devem ser estudados e analisados.

 

luto.jpg

Comoção

Em todo o Brasil políticos se viram na obrigação de rever pontos determinantes em relação à segurança de quem sai para se divertir pelas noites das cidades. Em São Paulo, onde existe mais de duas mil casas noturnas, o prefeito Fernando Haddad (PT) determinou a revisão da legislação de prevenção a incêndios em locais fechados. A reunião do grupo deve analisar as leis em vigor.

Também em acordo está o prefeito de Londrina (PR), Alexandre Kireeff.  O prefeito pediu a presença de todas as secretarias envolvidas na concessão de alvarás na cidade, também para reunião.

Em relação a Curitiba, de acordo a Abrabar, três casas noturnas têm capacidade para receber mais de mil pessoas. Segundo a entidade, todas contam com saídas de emergência e mecanismos de segurança. Por conta disso, ele acredita que dificilmente um caso semelhante ocorra na capital paranaense.


Avalie este Artigo

Deixe seu comentário

Avalie este Artigo

Comentários

  • Seja o primeiro a comentar

Orçamento Expresso

Solicite Orçamento para 39759 anunciantes com um só pedido

Clique aqui para solicitar
CasamentosFestas InfantisFormaturasEventos Empresariais

Aguarde...